26/10/2010

A História de Eddie

Continuando as postagens de Halloween, fiz um resumo do resumo do resumo….. da história do mascote mais popular da história, mais popular que a sua banda. Com vocês Eddie Riggs

Iron_Maiden_Killers

Na verdade seu nome verdadeiro é Eddie T. Head. Ele está presente em praticamente tudo que se é relacionado com o Iron Maiden, digamos que ele é o Iron Maiden, não da para falar de Iron Maiden sem lembrar de Eddie ou vice- versa.

Antes de Eddie surgir, Steve Harris já se preocupava em criar uma espécie de identidade para a banda. Com a saída de Dennis Wilcock, antigo vocalista que era fã das pirotecnias do Kiss e fazia algumas performances diferentes no palco, a banda perdeu um pouco do estilo 'teatrinho' que tinha. Paul Di'Anno chegou a ajudar levando facas para apresentações e fingindo se cortar, mas quem assumiu a responsabilidade de elaborar novas performances do Iron Maiden no palco foi Dave Beasly.

Por sua inventividade no uso de materiais simples, como pólvora, pedaços de aspirador de pó e luzes, ganhou o apelido de 'Dave Lights' (luzes). Certa vez ele pegou uma máscara adquirida em uma escola de arte e bombeou sangue artificial por sua boca durante a apresentação da música Iron Maiden. A máscara logo ganhou o apelido de "Eddie The Head" e assim começava a história do mascote do Iron Maiden.

O apelido surgiu por causa de uma piada que era bem comum em Londres (muito boba na minha opnião), a piada era assim:

"Uma mulher deu à luz uma criança que não tinha braços, pernas ou tronco. Era só uma cabeça e seu nome era 'Eddie' ('the Head' significa 'a cabeça ' em inglês). O médico disse a ela para não se preocupar, pois ele conseguiria um corpo adequado para o bom Eddie em um ano ou pouco mais. Assim, um ano mais tarde, o pai de Eddie chegou em casa no aniversário do menino e junto de toda família disse: 'Bem, hoje é seu aniversário e, garoto, temos uma surpresa para você, o melhor presente de todos!'. Ao ouvir isso, Eddie retrucou: 'Ah, não! outro maldito chapéu não!'"

Algum tempo depois o grupo (graças ao empresário) conheceu o desenhista Derek Riggs (por isso Eddie Riggs), Riggs desenhou um corpo para Eddie. Derek fez o desenho de Eddie muito antes de conhecer o empresário da banda em 1979, baseando-se em uma foto da guerra do Vietnã publicada na revista Time que mostrava um tanque vietnamita com uma cabeça de um soldado americano morto em cima dele. A cabeça já se encontrava em estado de decomposição e aparentava quase ser uma caveira.

Todos da banda adoraram o desenho, nem Riggs acreditou, ele já estava prestes a jogar o desenho fora, então foi convidado a fazer as capas da banda.

As Primeiras Capas

O rosto de 'Ed', seu apelido curto, só foi revelado para os fãs aos poucos. Em sua estréia, na capa do single Running Free, ele foi escondido nas sombras a pedido da banda, fazendo suspense para sua identidade visual.
Quando todos conheceram seu rosto no lançamento do primeiro álbum, não imaginavam que a imagem desenhada não tinha o resultado esperado e Derek deu uma 'recauchutada' em Eddie para alcançar um resultado definitivo. A banda achava que seu cabelo, por exemplo, era muito punk, e outros detalhes de fundo como o local onde Eddie aparece foi mais elaborado. Este atraso para adequar a imagem ao gosto da banda poderia ser outro motivo para ocultar a face de Eddie, mas tudo não passa de especulação.
Sua expressão facial no primeiro álbum também é um detalhe curioso, diz a lenda que ela teria essa fisionomia para tentar imitar uma foto de Paul Di'Anno que havia caído em uma noite de bebedeira com a galera e ao se levantar assustado fez aquela cara de 'perdido no mundo'.

Pôlemica Eddie VS Margaret Tatcher

eddieb05

Desde o começo, o mostrengo já tinha vocação para celebridade (e polêmica). Na capa do single Sanctuary Eddie aparecia esfaqueando a então primeira-ministra britânica Margaret Thatcher porque ela estava arrancando um pôster do Iron Maiden da parede. As reedições posteriores do disco na Inglaterra tiveram a capa censurada com uma tarja preta sobre os olhos de Thatcher.
A vingança da (ressuscitada) primeira-ministra veio na capa de Women In Uniform, onde ela espera escondida numa emboscada, pronta para metralhar Eddie. A briga desta vez foi com as feministas, que acusaram o grupo de sexismo, já que Eddie passeava de braços dados com uma enfermeira e uma colegial.

Na capa do álbum Killers, Ed aparece segurando uma machadinha cheia de sangue, enquanto alguém (supostamente uma mulher) o puxa pela camiseta. Diz a lenda que tal mulher seria Margareth Thatcher, e é bem provável que essa tenha sido a intenção.
Múltiplas formas
Durante os mais de 20 anos em que foi desenhado, Eddie esteve nos mais diversos lugares, tomou as mais peculiares formas que se possa imaginar e apareceu ao lado de muita gente (Bill Gates, Bruce Dickinson e Ozzy são alguns exemplos).

O mascote já apareceu, por exemplo, no Inferno lutando com o Demônio, já foi para um hospício, para o futuro, passado, foi mumificado e até virou nuvem! Todas essas diversificações renderam boas teorias sobre a trajetória do monstro, uma delas é brilhantemente mostrada através de animações em flash criadas por Val Andrade, um fanático por Iron Maiden e programação visual que resolveu criar um website e divulgar capítulos com o tema de cada álbum (veja mais detalhes na página de links).

Amanhã tem a continuação

9 comentários:

  1. bah afude a historia. Na real nem sou fã de iron. Mas o eddie é um simbolo q qlker grotesco sabe da onde vem.

    Porra a piada admito q ri aki pra chuchu heuhueheuheuheuheue

    Abss

    ResponderExcluir
  2. Bom como eu não entendo muito desse assunto não, mais tudo bem !
    Mas eu li seu texto e gostei.

    ResponderExcluir
  3. Acho uma baita jogada de marketing uma banda associar seus trabalhos a uma imagem! Assim é com o Eddie e o Iron, Stones e a língua e por ai vai!


    http://www.shitnessbook.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gosto muito dessa "doce caveira", muito bom o post.
    Iron é realmente muito bom!

    ResponderExcluir
  5. Quando o Iron veio para o Brasil, ano passado se não me engano. Eu não pude ir porque operei a perna -.- não tinha como ir de muletas, ter tinha...mas fui barrado pela tirania dos meus pais ahuhuah meus amigos foram e eles falaram; a hora que o eddie entrou foi um delírio, todo mundo pirou \o/

    http://umdiaentenderei.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. também,o cara queria o que?tinha que ser
    censurada mesmo,na capa do disco e matando a primeira ministra.

    ResponderExcluir